Falhas-em-rolamentos-tipos,-causas-e-como-evitar

As falhas em rolamentos são problemas sérios que podem causar graves consequências para máquinas e equipamentos. Por isso, é importante estar atento aos sinais de falha e tomar medidas preventivas antes da quebra.

Neste artigo vamos abordar alguns aspectos adicionais que podem ajudar a identificar e prevenir esse problema.

Falhas em rolamentos: ruído

O ruído excessivo é um dos sinais mais comuns de falha de rolamento. O tipo de ruído pode variar, dependendo do tipo de rolamento e da causa da falha. Por exemplo, um rolamento com desgaste pode produzir um ruído áspero ou metálico, enquanto um rolamento com folga excessiva pode produzir um ruído sibilante.

Falhas em rolamentos: vibração

A vibração excessiva também pode ser um sinal de falha de rolamento. A vibração pode ser sentida no próprio rolamento ou em outras partes da máquina.

Falhas em rolamentos: calor

O aumento da temperatura do rolamento também pode indicar falha. O rolamento pode ficar quente ao toque ou pode ser detectado por meio de sensores de temperatura.

Falhas em rolamentos: desgaste

O desgaste excessivo dos elementos de rolamento é um sinal claro de falha. O desgaste pode ser observado visualmente ou por meio de inspeções com instrumentos de precisão.

Outros sinais

Além dos sinais mencionados acima, outros sinais de falha de rolamento podem incluir:

  • Aumento da folga entre os elementos do rolamento;
  • Dificuldade de girar o eixo do rolamento;
  • Aquecimento repentino do rolamento;
  • Soltura de peças do rolamento.

Como identificar falhas de rolamento

A melhor maneira de identificar falhas de rolamento é realizar inspeções periódicas. As inspeções devem ser realizadas por um profissional qualificado, que poderá usar os equipamentos e técnicas adequados para detectar sinais de falha.

Como prevenir falhas de rolamento

A prevenção de falhas de rolamento é a melhor maneira de evitar problemas. As seguintes medidas podem ajudar a prevenir falhas de rolamento:

  • Seleção adequada do rolamento: O rolamento deve ser selecionado de acordo com as condições de operação da máquina.
  • Instalação correta do rolamento: A instalação deve ser feita de acordo com as instruções do fabricante.
  • Lubrificação adequada do rolamento: O rolamento deve ser lubrificado adequadamente, de acordo com as instruções do fabricante.
  • Proteção do rolamento de contaminantes: O rolamento deve ser protegido de contaminantes, como sujeira, areia ou ferrugem.
  • Monitoramento do rolamento: O rolamento deve ser monitorado periodicamente para detectar sinais de desgaste ou falha.

As falhas em rolamentos são problemas sérios que pode causar graves consequências para máquinas e equipamentos. Por isso, é importante estar atento aos sinais de falha e tomar medidas para preveni-la.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais.

Assine nossa newsletter para receber conteúdos de manutenção.
Notícias Relacionadas
Categorias
Tags