Turbomáquinas:

As Turbomáquinas são equipamentos de importância máxima para a instalação industrial, se apresentam com acionamento por turbinas de alta potência e alta velocidade, acionando máquinas de grande porte como: geradores de energia elétrica, compressores, sopradores, ventiladores, etc. A análise e controle da saúde dinâmica destes equipamentos, exige tecnologia específica e experiência sênior, compatível com a complexidade tecnológica de fabricação e dinâmica operacional.

Aplicação:

Muitos destes equipamentos são dotados de sistemas de proteção, principalmente por controle de vibração, porém são mais focados em alarmes de valores globais e não estão preparados para gerar e controlar espectros dos sinais vibratórios e analisar sua correlação com outros parâmetros importantes. Desta forma não emitem diagnósticos seguros que identifiquem falhas ou defeitos relevantes.

Análise de Órbita

Turbomáquinas são em geral equipamentos de alta frequência de giro, alta potência transmitida e folgas mínimas envolvidas no conjunto rotor girante, seja entre eixo e mancais de deslizamento ou entre o conjunto rotor e partes da carcaça. Portanto, o controle da estabilidade geométrica do conjunto rotor é imprescindível para uma operação segurança e confiável desses equipamentos. Para tanto, são instalados transdutores relativos nos mancais de deslizamento, nas direções radial e axial, para monitorar o posicionamento do conjunto rotor dentro de valores admissíveis. Para a direção radial, a instalação de dois transdutores relativos a 90o entre si, permite registrar o movimento orbital do eixo dentro do mancal. Para a figura que se forma no registro deste movimento dá-se o nome de “órbita”. O desenho ou formato que se obtém no registro de cada órbita é esclarecedor quanto ao tipo de defeito ou falha que possa estar ocorrendo. Outro gráfico importante que pode ser extraído nesta forma de medição, é o registro do caminho que o ponto médio do centro do eixo faz desde a sua partida até a estabilidade com carga. Já a medição na direção axial, tem interesse apenas para controle da folga ou passeio máximo axial permitido para o conjunto rotor.

Estudo dinâmico de engenharia por elementos finitos

Simulação em computador com os dados precisos de projeto e condições operacionais, para identificar origem exata do problema e simular soluções antes de serem aplicadas, privilegiando eficácia e segurança das soluções.

Estudo dinâmico por análise termográfica mecânica

Identificação de pontos quentes anormais sob carga e condição dinâmica de operação, no local

Controle e análise avançada por vibrações através de sistemas “online” e “offline”

Experiência sênior neste tipo de aplicação e casos críticos.

Ensaios estáticos e dinâmicos de ressonância

Identificação frequências naturais que possam ser causa do problema ou contribuir para o agravamento de problemas dinâmicos. Ensaios realizados com equipamento parado, posto em marcha, elevação de carga, carga plena, partida e parada com sinais gravados.

Análise magnética de geradores e fontes excitadoras em geradores

Espectros de corrente elétrica em diversas condições operacionais, análise precisa para identificar contribuição de falhas ou defeitos de origem magnética, que possam estar contribuindo com a redução de performance do sistema.